Essência da Vida - 26/06/2018 -->
Diante do Espelho

399 acessos

Imagem reproduzida para ilustração 

Quando o homem que me tornei, olhou hoje pela manhã o homem que eu fui, olhei profundamente em seus olhos e vi um misto de orgulho e realização, salteado com doses de dúvidas e incertezas, e percebi que não são os anos que nos moldam, são nossas escolhas.

Percebi, que no interior de mim mesmo, ainda existe uma criança que dorme, esperando o dia amanhecer para correr e soltar pipa, sentindo o bailar do vento, num misterioso e delicioso momento que parece eterno.

Percebi, que mesmo ganhando experiência ainda não envelheci, pois ainda carrego sonhos de aventuras não realizadas, desejos não compartilhados, muitos lugares não visitados.

Analisando detalhadamente esse homem, observei que existem detalhes que ele se envergonha, mas que foram primordiais ao seu amadurecimento, portanto, me tornei grato até pelos momentos de insensatez e descomprometimento com a vida e com outras vidas.

Coloquei na balança os sorrisos que ofereci e aqueles que recebi nos períodos que mais necessitei.

Os amigos que tive e se foram, os que ficaram guardados em mim, e aqueles que foi melhor esquecer, porque entendi que cada um é importante numa fase da vida, e se não existe algumas mudanças, é porque você estagnou, e isso não é bom.

Minha mente vagou e sentiu o sabor da saudade, quando em minhas recordações apareceram festas inesquecíveis, encontros familiares e palavras que marcaram. O primeiro beijo, o primeiro encontro, o primeiro diploma, o primeiro trabalho. O tombo da bicicleta, a fruta fresca no galho mais alto, o cachorro que dava medo ou convidava à um afago.

Assim descobrimos que a vida é linda, cheia de surpresas, agradáveis e desagradáveis, que fazem o caminho ganhar cor e significados. E a sabedoria da maturidade nos ensina que, tudo e todos são importantes, cada aprendizado no seu devido lugar e a certeza que nada cessa e nada é estável. Tudo muda o tempo todo no mundo.

E ao continuar olhando nos olhos desse homem que sou, sorrio, um sorriso largo e verdadeiro, cheio de histórias, e em meio a tantos pensamentos, a única certeza que tenho nesse instante é que, ainda não vivi os melhores dias da minha vida.

Colunista
Keity Duque

Textos que motivam e nos fazem refletir sobre os verdadeiros valores da vida.
Acompanhe, explore e aproveite essa leitura!
  
   Comente!

Outros artigos:

Superação
E o semeador saiu a semear...
Encontros
Não desista
Tuas mãos
O que tem transmitido seu coração?
___________________________________________________________________________________________________________
© direitos reservados desde 2008 -  benficanet.com - contato@benficanet.com